Destaque

Olá Camarada,

 

O Direito à Cidade não é apenas um slogan ou uma ideia abstrata. Ele materializa-se com a efetivação de um conjunto de direitos sociais como o direito ao emprego, à saúde e à educação, a uma habitação digna, ao respeito pelas várias liberdades individuais, à proteção ambiental, à possibilidade de usufruirmos de transportes públicos de qualidade, à prática desporto e ao lazer, sem esquecer a componente da democratização da cultura. Imaginar uma cidade mais
O Bloco de Esquerda de Vila Nova de Gaia apresenta-se a estas eleições autárquicas com o compromisso de lutar, propor e ajudar a construir uma cidade onde ninguém seja excluído, se apoie quem mais precisa, não deixar ninguém para trás, proteger o emprego e combater a precariedade, defender os serviços públicos e a coesão territorial, proteger o ambiente e transformar o território num espaço inclusivo e seguro.

JUNTA AS TUAS IDEIAS ÀS NOSSAS! Já sabes como podes ter uma voz ativa no PROGRAMA PARTICIPATIVO?
Contacta-nos através de blocoesquerdagaia2021@gmail.com, na nossa sede ou através das nossas redes sociais e partilha os teus contributos para a rua, o bairro, a freguesia e a cidade.

 

Um abraço bloquista! 

 

 

Instagram:

https://www.instagram.com/p/CNA3qics7Ge/?igshid=1q8o3zc4lz1kz

 

Twitter:

https://twitter.com/bloco_gaia/status/1376610660126089217?s=21

 

Facebook:

https://www.facebook.com/787477997989026/posts/5266759630060818/

Resoluções Mesa Nacional

não disponível

Opinião

Aconteceu no final do mês de outubro de 1979. Pela primeira vez – e, até hoje, a única no nosso país – as trabalhadores domésticas juntavam-se no Pavilhão dos Desportos de Lisboa para realizar o seu primeiro congresso nacional, sob o lema “Dizemos não à servidão”. Nos meses anteriores, o Sindicato do Serviço Doméstico multiplicara reuniões preparatórias e, em junho desse ano, lançara um Inquérito à Opinião Pública, que pretendia formar as delegadas sindicais no contacto com a população, pô-las a socializar, a comunicar na rua, a fazer entrevistas e a distribuir material, a chamar a atenção da sociedade para o Congresso.

Notícias

Camarada

 

Como é do teu conhecimento, realizou-se ontem a eleição da nova Comissão Coordenadora Concelhia (CCC) de Gaia para o biénio 2022-2024.

 

A lista A obteve 34,8% dos votos e a lista B obteve 65,2%.

 

A nova CCC terá 13 membros.

 

 

De acordo com os Estatutos e o Regulamento Eleitoral, estão convocadas eleições para a C.C.C.

O acto eleitoral realiza-se no dia 16 de Julho de 2022 entre as 10 horas e as 19 horas, na nossa sede concelhia, na Avenida da República, 396-Sala 5, em Gaia.

 

 

A campanha do Bloco de Esquerda está na estrada!

Vê a tua disponibilidade e junta-te à campanha do Bloco em qualquer sítio do Pais!

 

Dia 30 de Janeiro queremos continuar a ser a 3ª. força política.

 

Vota Bloco. Esquerda de confiança!

 

 

Os Jovens do Bloco de Gaia estão a organizar duas iniciativas no sentido de marcar politicamente o Dia da Igualdade (24 de Outubro).

No sábado pelas 18 horas haverá um debate sobre Urbanismo Feminista, na Junta de Freguesia de Mafamude, com a presença na mesa da Beatriz Vieira, da Rita Cardoso e da Ana Isabel Silva.

No domingo às 16,30 horas, haverá a pintura de um mural sobre Direitos LGBT, Anti racismo e Feminismo em Canidelo.

Esperamos por Ti.

​Um Abraço!

Domingo dia 19, às 10,30 horas, comício no Auditório Municipal de Gaia.

Vem conhecer as principais candidatas e candidatos às Assembleias de Freguesia do nosso Concelho, a candidata à Assembleia Municipal e o candidato à Câmara Municipal.

Vem e trás uma amiga, um amigo também.

Esperamos porTi!

Olá Camarada,

 

O Direito à Cidade não é apenas um slogan ou uma ideia abstrata. Ele materializa-se com a efetivação de um conjunto de direitos sociais como o direito ao emprego, à saúde e à educação, a uma habitação digna, ao respeito pelas várias liberdades individuais, à proteção ambiental, à possibilidade de usufruirmos de transportes públicos de qualidade, à prática desporto e ao lazer, sem esquecer a componente da democratização da cultura. Imaginar uma cidade mais
O Bloco de Esquerda de Vila Nova de Gaia apresenta-se a estas eleições autárquicas com o compromisso de lutar, propor e ajudar a construir uma cidade onde ninguém seja excluído, se apoie quem mais precisa, não deixar ninguém para trás, proteger o emprego e combater a precariedade, defender os serviços públicos e a coesão territorial, proteger o ambiente e transformar o território num espaço inclusivo e seguro.

JUNTA AS TUAS IDEIAS ÀS NOSSAS! Já sabes como podes ter uma voz ativa no PROGRAMA PARTICIPATIVO?
Contacta-nos através de blocoesquerdagaia2021@gmail.com, na nossa sede ou através das nossas redes sociais e partilha os teus contributos para a rua, o bairro, a freguesia e a cidade.

 

Um abraço bloquista! 

 

 

Instagram:

https://www.instagram.com/p/CNA3qics7Ge/?igshid=1q8o3zc4lz1kz

 

Twitter:

https://twitter.com/bloco_gaia/status/1376610660126089217?s=21

 

Facebook:

https://www.facebook.com/787477997989026/posts/5266759630060818/

 

“Os resultados estão à vista: não são o que esperávamos, não são os que esperei”, assumiu Marisa Matias na noite eleitoral das presidenciais.

“Queremos e precisamos de um país solidário, que não aceite a crise e a divisão como política. Terá de respeitar quem vive do seu trabalho e combater a precariedade, devolvendo a esperança às gerações mais jovens, que têm sido as mais sacrificadas em todas as crises”.

“Sabem que estive sempre presente e sabem que continuam a contar comigo todos os dias”.

“Queremos um país solidário, é essa a nossa tarefa. Um país solidário que se junte pelo SNS e pelos seus profissionais, a nossa maior arma contra a pandemia”, ou para “defender a democracia, como fizeram hoje tantos portugueses e tantas portuguesas”.

O Bloco de Esquerda num espírito de colaboração enviou ao Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia uma carta mostrando preocupação com alguns grupos de risco da população e grupos mais vulneráveis. A carta pode ser lida aqui.

Assembleia Municipal

No passado dia 25 de julho, deu entrada um requerimento na Assembleia Municipal de Vila Nova de Gaia, sobre as operações urbanísticas na marginal.

Eleitos do B. E. ao Parlamento Europeu 2019

Notícias

No cimo da hierarquia do capital, nas grandes empresas multinacionais, situam-se os gestores do topo e os acionistas. Estes últimos em regra consideram a empresa como um meio para a valorização dos seus títulos nos mercados financeiros. Para tal exigem lucros elevados e uma generosa política de distribuição de dividendos, condicionando os investimentos e procurando aumentar as cotações das suas acções para as venderem rápido. Assim transmitem aos seus gestores de topo, interessados na apreciação do seu labor, remunerações em opções de acções da empresa ou seguros milionários. Recentemente em Portugal uma empresa (CTT) decidiu distribuir dividendos pelos acionistas mesmo tendo prejuízos, o que no mínimo é aberrante.

Iniciativas dos Deputados

Como é do conhecimento público, nos últimos anos as cantinas escolares foram concessionadas (gestão privada) a empresas privadas.

Os protestos das Associações de Pais, alunos e outros envolvidos na comunidade escolar é uma realidade, sendo necessário alterá-la com o mais rapidamente possível.

Freguesias

As freguesias, por estarem mais próximas das populações, são as autarquias que mais facilmente podem constituir uma democracia de proximidade. 

Esta moção deve ser enviada: - Senhor Primeiro Ministro - Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia - ANAFRE